Não é só Drogon, o último dragão vivo da rainha Daenerys, de Game of Thrones” , quem anda fazendo barulho nesta semana. Um outro tão fumegante quanto vai incendiar Fortaleza, mas no bom sentido. Se o primeiro mandou ver no penúltimo capítulo da derradeira temporada da série, exibido na noite desse domingo (12/5), transformando em churrasquinho a fictícia Porto Real, a 20ª edição do Dragão Fashion Brasil – hoje DFB Festival –.promete ser incendiária, promovendo labaredas não apenas no mundinho da moda, mas nas artes em geral.

De Westeros a Fortaleza, para dominar o continente: o DFB Festival – maior evento de moda autoral da América Latina, chega à 20ª edição, maior, em novo endereço e englobando música e dança (Foto: Divulgação)

Para celebrar a efeméride de duas décadas de trajetória, o maior badalo de moda autoral da América Latina se transfere de mala e cuia do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura para uma enorme estrutura pop-up de mais de 27.000 m² montada nas areias no Aterro da Praia de Iracema, sob a batuta mais uma vez do casal Helena Gualberto Silveira e Claudio Silveira, idealizadores do evento. ‘É a nossa Cidade Autoral”, celebra ele entusiasmado e completa: “Ainda inconsciente, o Dragão em 1999 já pavimentava a estrada por onde viria a traçar essa longa jornada: unir várias formas de expressão cultural em torno da chancela da moda”.

Claudio Silveira e Helena Gualberto em Londres, em setembro – meses antes de o designer David Lee, cria do evento, expor na capital britânica: há duas décadas, o casal de empresários vem pavimentando o terreno para que o DFB se torne um dos eventos de moda mais expressivos do Brasil (Foto: Instagram / Reprodução)

Nesta data festiva, as novidades extrapolam mesmo a roupa: em um line-up gratuito, rolam não apenas 36 desfiles distribuídos por três salas, mas 21 shows de música, sets de DJs, quatro apresentações exclusivas de companhias de dança, oito palestras, exposições de fotografia, feira de marcas sustentáveis com 60 expositores (com foco em economia criativa), quatro workshops, tarde de autógrafos do livro do beauty artist e fotógrafo Fernando Torquatto e até mostra competitiva de fashion films de curta-metragem – 1ª Mostra DFB MoveModa, com trabalhos de todo o país e R$ 10.000 em prêmios distribuídos por quatro categorias. E gastronomia, óbvio, porque os chefs andam atualmente no topo da cadeia alimentar do estilo. São sete bares e 14 restaurantes, ou seja, os fashionistas vão forrar o estômago com delicinhas cremosas, sob coordenação do Senac/CE.

A mostra fotográfica “Grandes Olhares DFB + MFF“, no Museu da Fotografia de Fortaleza, abre na noite desta terça-feira (14/5) o festival, trazendo aos holofotes o trabalho imagético de grandes profissionais nacionais e internacionais do métier que compõem o acervo da instituição cearense (Foto: Divulgação)

Nessa iniciativa praiana, além das duas salas internas de desfile para 1.000 convidados cada, a menina dos olhos pisa a areia: no DFBeach Club, de frente para mar, sereias e tritões vão dar o ar de sua graça numa passarela de 150m capaz de rivalizar com a interminável  highway principal da Fenda do Biquíni, poronde ciculam Bob Esponja, Patrick, Seu Siriguejo, Lula MoluscoPlâncton amaria! Haja catwalk, amor. Claudio Silveira aponta a tradição praieira do Ceará como bússola para essa empreitada grandiosa como Atlântida: “Ela traduz a vocação do nosso povo para o empreendedorismo e a inovação. Olha só o exemplo dos jangadeiros, das rendeiras e do horizonte vasto do Atlântico à nossa frente, não é mesmo?”.

Moda conectada: a montagem das tendas da 20ª edição do DFB Festival foi amplamente documentada pelas mídias sociais nestes últimos dias (Foto: Divulgação)

Dentre as grifes que vão pisar na passarela, Lindebergue FernandesGisela FranckDavid LeeWagner KallienoAlmerinda MariaMelk Z-daJeferson RibeiroRonaldo SilvestreKallil NepomucenoRendá por Camilla Arraes e D’Aura, que fazem parte da trajetória do evento, ao lado de expoentes da indústria regional, tipo a moda praia da Flee e as estreantes Parko Homem do Sapato, além da gigante Água de Coco, que dessa vez deixou de se apresentar no SPFW para celebrar o seu estado de origem, homenageada pela Federação das Indústrias do Estado do Ceará – FIEC.

A ênfase no aspecto artesanal da moda brasileira é apenas uma das vertentes da passarela no DFB Festival, cujo foco é a autoralidade. Algumas grifes optam pelo étnico revisitado, outras são folclóricas ou regionais, e muitas têm caráter globalizado, transgressor e contemporâneo, sem destaque algum para o handmade. Quem lucra é o público com essa pluralidade numa era em que, para os designers sobreviverem à massificação do fast fashion sem perder a identidade, a estratégia é não se render à produção em larga escala, ressignificando a produção manual como novo luxo (Foto: Divulgação)

Dentre os novatos autorais, prometem abrilhantar o line-up Baba (CE), Chico Marinho (AL), Vitor Cunha (CE) e as cariocas Marju e ESC, o beachwear  bacanudo de André Lucien, que ÁS acompanha desde o início, antes mesmo do Veste Rio.

Representando a presença dos sindicatos do segmento no Ceará, o Sinditêxtil apresenta o trendshow com o preview dos lançamentos da Jangadeiro Têxtil, e o SindiRoupas apresenta a estreia da marca Matias, com estilo assinado pelo piauiense formado no Ceará e radicado em São Paulo, Deoclys Bezerra, que volta ao Evento em que conquistou o primeiro prêmio Novos Talentos, ainda em 2000 (Foto: Divulgação)

E, em sua 19 edição, o Concurso dos Novos reúne continua causando alvoroço, gritaria e confusão entre aqueles millennials prontos para se tornarem o novo Galliano: estudantes de todo o país estão no páreo pelo prêmio de R$ 10.000, em equipes de faculdades de moda do Ceará, Pará, Paraná, São Paulo e do Rio de Janeiro, este representado pela Veiga de Almeida. Vamos ver. Se a Cidade Maravilha ganhar, vai ser pancadão e som na caixa.

O Dragão olha para seu próprio rabo: a vernissage da expô “Grandes Olhares DFB + MFF” vai contar com performance de modelos usando looks da histórica coleção colaborativa “A Hora do Brasil”, recém-apresentada no consulado brasileiro em Londres, e coordenada por Jum Nakao para o Senac/CE, e executada e transmitida em tempo real, durante o DFB 2012. (Foto: Divulgação)

Confira abaixo o line-up oficial de desfiles do DFB Festival 2019:

15/5 (quarta-feira) 

17h30 – Coletiva de Imprensa

19h • Sl. 1 – Chico Marinho + Caio Nascimento

19h30 • Sl. 2 – Almerinda Maria

20h • Sl. 1 – Homem do Sapato

20h30 • Sl. 2 – Gisela Franck

21h • Sl. 1 – FIEC apresenta Água de Coco

16/5 (quinta-feira)

17h30 • DFBeach Club – Senac/RJ apresenta ESC

18h30 • Sl. 2 – Vitor Cunha + Saldanha

19h • Sl. 1 – Senac/CE apresenta Cariri Visceral + Bruno Olly

19h30 • Sl. 2 – Sinditêxtil apresenta Jangadeiro Têxtil

20h • Sl. 1 – David Lee

20h30 • Sl. 2 – Rendá por Camila Arraes

21h • Sl. 1 – Wagner Kallieno

17/5 (sexta-feira)

17h30 • DFBeach Club – Senac/RJ apresenta Marju

18h30 • Sl. 2 – Concurso dos Novos (Ateneu, Fanor, Sta. Marcelina, UNAMA)

19h • Sl. 1 – Jeferson Ribeiro

19h30 • Sl. 2 – SindiRoupas apresenta Matias

20h • Sl. 1 – Melk Z-Da

20h30 • Sl. 2 – Sebrae apresenta Rota Jeri + Lindebergue Fernandes

21h • Sl. 1 – Kallil Nepomuceno

18/5 (sábado)

17h30 • DFBeach Club – Parko

18h30 • Sl. 2 – Concurso dos Novos (Unifor, UTFPR, UFPI, Veiga de Almeida)

19h • Sl. 1 – Baba

19h30 • Sl. 2 – D’Aura

20h • Sl. 1 – Ronaldo Silvestre

20h30 • Sl. 2 – Flee

21h • Sl. 1 – Silvânia de Deus

Empoderamento e política: prata da casado DFB, o estilista Bruno Olly – um dos designers do elenco que investem na moda masculina – apresenta na passarela o grito de resistência que ve das ruas (Foto: Divulgação)

Confira abaixo a programação do DPM – NOVOS RUMOS DA MODA:

15/5 (quarta-feira)

Auditório DPM

15h30 – Novos Rumos da Moda – Conversa aberta com Dudu Bertholini.  Mediação: Eduardo Motta.

Livraria Senac

17h30 – Performance Tramas Experimentais, de Alexandre Heberte.

16/5 (quinta-feira)

Auditório DPM

15h30 – Palestra Sustentabilidade e o Futuro da Moda com André Carvalhal.

16h10 – Mesa-redonda Sustentabilidade e o Futuro da Moda com André Carvalhal, Renato Tomaz (Água De Coco) e Celina Hissa (Catarina Mina). Mediação: Dani Milério (Transforme Coworking).

Livraria Senac

19h30 – Desfile e sessão de autógrafo do livro Beleza integrada por Fernando Torquatto

17/5 (sexta-feira)

Auditório DPM

15h30 – Bate-papo Novos Profissionais em Cena com Vitorino Campos.  Mediação: Eduardo Motta

15h35 – Mesa-Redonda Novos Profissionais em Cena com Vitorino Campos, David Lee e Érico Gondim. Mediação: Eduardo Motta

18/5 (sábado)

Auditório DPM

Diálogos e palestras – Homem brasileiro – Preview Fortaleza

15h – Palestra com Fabio Mariano: consumo e masculinidade no novo milênio

15h – Diálogo 1 – Consumidores: homens do Ceará: quem são esses consumidores?

Convidados da Região – empresários, pesquisadores das áreas de comunicação, antropologia e psicologia expõem como analisam em suas diferentes áreas as mudanças no consumo dos homens do Ceará.

16h30 – Palestra com Mário Queiroz: Moda masculina no novo milênio

17h – Diálogo 2 – Design: design voltado às masculinidades

Designers com destaque na região, das áreas de moda, interiores, digital, produtos, apresentam o que há de inovação no mercado masculino de Fortaleza.

Grandes Olhares DFB + MFF” (Foto: Divulgação)

Oficinas

Local: Salas DPM

De 15 a 18/5

Visual Merchandising – Mário Queiroz e Sylvia Demetresco

Vagas: 10

Investimento: R$ 60,00

De 16 a 18/5

Tramas Experimentais – Alexandre Heberte

Vagas: 20

Investimento: R$ 60,00

A Imagem e Identidade do Estilista– Estilista e Consultora de Imagem – Andréa Cerqueira

Vagas: 20

Investimento: R$ 60,00

Bordando bolsas e chapéus de palha – Estilista e Instrutora do Senac – Sara Girão

Vagas: 20

Investimento: R$ 60,00

DFB Festival (Foto: Divulgação)

Conheça abaixo o line-up do DFB Dança:

15/5 (quarta): O Quebra-nozes – Companhia Madiana Romcy

16/5 (quinta): Espetáculo Academia Cera Passos

17/5 (sexta): Estrelário – Edisca

18/5 (sábado): Escola de Dança de Paracuru

O Bloco Sandijunio se apresenta no palco do DFB Festival na próxima sexta-feira (17/5) às 18h (Foto: Divulgação)

Confira abaixo a programação musical do DFB no palco “Cores da Praia”:

15/5 (quarta-feira)

16h- Banda Reite

18h- Banda Regina George

20h- Djs Two Notty

16/5 (quinta-feira)

16h- Neon Party

18h- DJ Nicolas abe

20h- MC Pocahontas

17/5 (sexta-feira)

16h- Salve Simpatia

18h- Bloco Sandijunio

20h- DJ Erik Villar

22h- Banda Melim (Festa de Lançamento da Cores Entretenimento)

18/5 (sábado)

16h- Banda Two Folks

18h- DJ Leandro Buenno

20h- DJ FLAR

Confira abaixo o line-up completo do palco “SESC “:

15/5

19h- Projeto Rivera

21h- Tulipa Ruiz

16/5

19h- Mel Mattos

21h- Junú

17/5

19h- Astronauta Marinho + Máquinas

21h- Lorena Nunes

18/5

19h- Nazirê

21h- Marcelo Jeneci

Serviço

DFB FESTIVAL 2019

15 a 18 de Maio

Aterro da Praia de Iracema

Entrada Gratuita

Censura 12 anos

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.