Desde o término do Fashion Rio (ou mesmo antes, quando o evento mudou de mãos), grifes com trabalhos sólidos como as carioquíssimas Mara Mac, Alessa, Andrea Marques e o designer mineiro radicado em Vitória (mas apaixonado pelo Rio) Ivan Aguilar não mostravam sua cara na passarela carioca. Alessa até desfilou coleção umas temporadas atrás no Minas Trend, mas parou em seguida. E Mara Mac Dowell andou se exibindo nas rodadas de desfiles do Fashion Business. Agora, com o resgate do Rio como pólo lançador de moda, essa quatro brands mostraram a que vieram, cada qual no seu estilo. Confira!

Alessa Rio Moda Rio junho/2016 foto: Zé Takahashi/FOTOSITE

Alessa no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Minimalista na moda, operística no show, Mara foi responsável pelo momento poesia do Rio Moda Rio. Com performance dirigida por Bia Lessa, ela questionou o consumo desenfreado, falou sobre a reflexão através da leitura e pôs na passarela forrada de folhas secas escavadeira de verdade, nefelibáticas acrobatas nas alturas e uma horda de modelos lendo livros. Tudo para mostrar sua coleção repleta de aguadas, fluidez, grafismos, listras, seda amassada, volumes soltos, assimetrias, cortes enviesados e a valorização dos costados. Quem ganhou foi a plateia, que não pode ficar sem a genialidade atemporal da estilista.

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Mara Mac no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Em tempo: na poesia lida em off durante o desfile, descobriu-se que a cada dia são vendidos 3.635.297 celulares e 434.949 televisores. ÁS não conhece a fonte, mas a informação é estarrecedora. Se for verdade mesmo, ui!

Já foi e tempo em que Alessa variava pouco na forma e muito na estampa. Dessa vez, em apresentação que evoca a belle époque tropical, a marca caprichou nas modelagens e acabou lembrando a este jornalista a presença de Claudia Cardinale no cult movie Fitzcarraldo“, de Werner Herzog, filmado na Amazônia no início dos anos oitenta, com a participação de Klaus Kinski, José Lewgoy e Grande Otelo.

Rio Moda Rio

Alessa no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Além da comparação do exuberante figurino do longa com a silhueta neo art nouveau na passarela, a manutenção – sem deixar nunca a peteca cair, coleção após coleção – do fabuloso repertório de estampas da marca equivale à façanha contada no filme de transpor um barco pela floresta tropical com o objetivo de por de pé uma ópera. Amo!

Alessa_rmr_V17_0015 final

Alessa no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Alessa no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Ao som de Cor de rosa choque e Todas as mulheres do mundo“, ambas de Rita Lee, as modelos serpentearam na passarela mostrando que Alessa é meio Leila Diniz, tanto na criação quanto nos seus rocambolescos agradecimentos no final do desfile. ÀS estava sentindo falta disso…

Rio Moda Rio

Performática, Alessa MIgani pede passagem no Rio Moda Rio e saúda o público (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Herdeira do legado clean da Maria Bonita, onde trabalhou no estilo, Andrea Marques representa o Rio (e o Brasil) cool, chique, sem excessos, avesso a peruíces. Para ela, o mundo é mais Adriana Calcanhoto e menos Brunete Fraccaroli. Bem menos, diga-se de passagem. Seu minimalismo sem exageros, sua roupa bem cortada, fluidez e cartela de cores enxuta são perfeitas para a mulher que se recusa a acreditar no piriguetismo como a única forma de causar.

Andrea Marques_rmr_V17_0013 final

Andrea Marques no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Nesta coleção, ela quis falar de um Rio que prima pela elegância simples e leve. Como ela mesma. Sim, Andrea desenha roupa pensando nela. Quem lucra são as clientes que comungam com o próprio lifestyle da estilista. A estampa de ondas que alude ao calçadão de Copa sem apelar para a cara de souvenir é uma das melhores representações do carioquérrimo grafismo já vistas pelo ÁS. Mérito também de Ana Laet, designer gráfica fiel colaboradora de Andrea.

Rio Moda Rio

Andrea Marques no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Andrea Marques no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Andrea Marques no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Andrea Marques no Rio Moda Rio (Foto: Zé Takahashi / FOTOSITE / Divulgação)

Tão carioca quanto os naturais da cidade, Ivan Aguilar faz roupa boa, bem cortada, com caimento milimetricamente perfeito, de quem se fez na alfaiataria. Ausente das passarelas cariocas desde 2010, ela andou marcando presença nas semanas de moda novaiorquina e de Miami, nesta criando as coleções de Sinesia Karol. Agora, trouxe seu verborrágico repertório cromático para o suntuoso Palácio Tiradentes, em pleno centro do Rio, para contrastar a selva de pedra com suas gamas vívidas numa coleção masculina despojada, mas estruturada, e no preview de uma linha feminina glamorosa, onde o destaque são os vestidos com parte de cima ajustada no shape e saias longas volumosas, com fendas e grafismos da hora. Roupa para bem-nascidos.

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Ao som de “Eu quero mocotó”, Ivan situa sua criação nos anos oitenta, homenageando ícones cariocas da gema que influenciaram a moda nacional com o mix de efervescência criativa e bom humor: Simon Azulay e Luis de Freitas, este iluminando a primeira fila com sua presença magnética.

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

E, de quebra, ainda trouxe nos braços das modelos mega braceletes de resina nas cores das estampas, em menção à genialidade de outro carioca que dobrou a moda à sua imagem e semelhança: o criador de acessórios Zau Olivieri, morto recentemente. Para completar, as joias elaboradas de Dorion Soares.

Rio Moda Rio

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Ivan Aguilar Rio Moda Rio junho/2016 foto: Marcelo Soubhia/FOTOSITE

Ivan Aguilar no Rio Moda Rio (Foto: Marcelo Soubhia / FOTOSITE / Divulgação)

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.